sábado, 14 de setembro de 2013

Resenha #6: O tempo entre costuras


O tempo entre costuras é o primeiro romance da escritora Maria Dueñas, uma espanhola que sabe cativar os leitores. Foi lançado em 2010 no Brasil, pela editora Planeta, e tem belas 474 páginas.
O livro conta a história de Sira Quiroga, uma costureira residente de Madrid, que aprendeu o ofício com sua mãe, com quem mora, e trabalha no glamoroso ateliê de dona Manuela, que vendia muito, para todas as madames da cidade e até, pode-se dizer, do país. Porém, para mudar todo esse cenário glamouroso, veio a guerra civil, e os pedidos diminuíram, assim como o trabalho, fazendo com que Sira fosse atrás de algo mais propício e rentável, já que em breve gostaria de se casar.
Resolveu participar de um concurso para ser datilógrafa, mas para isso, ela precisava aprender a datilografar, e foi então a procura de uma máquina de escrever. Mal sabia ela que seu destino estava prestes a muda, quando entrou em uma loja e conheceu Ramiro Arribas.
“Apaixonaram-se” a primeira vista, ou melhor, ela se apaixonou, e ele viu nela uma oportunidade. Fugiram, então, com o dinheiro que seu pai havia dado a ela, um pai que foi ausente, mas quando viu o princípio da guerra resolveu dar sua parte da fortuna. Abandonou sua mãe solitária e seu noivo devoto para viver uma ilusão.
Viveram uma fantasia, dias de glória, hotéis caros, uma paixão avassaladora em Tânger, Marrocos, mas todo sonho tem seu fim, e um belo dia ela se viu sozinha, cheia de dividas que seu “amado” deixou, e sem dinheiro algum, já que ele levou tudo o que o pai a havia dado.
                O motivo pelo qual Ramiro havia fugido era o fato de ela estar gravida, vendo a complicação em frente, esperou a primeira oportunidade para se vir livre desse fardo. Sira, depois de perceber no que havia se metido, ficou desorientada e pegou o primeiro ônibus que encontrou, ficando tão nervosa a ponto de perder o bebê. Inconsciente, foi parar doente, tanto fisicamente como psicologicamente, em uma casa de cuidados para os feridos, afinal, foi bem nesse meio tempo que a 2ª Guerra Mundial eclodiu.
                Desse ponto em diante, muda-se para Tetuán, capital do Protetorado espanhol em Marrocos, onde tem de reerguer-se do nada para poder pagar a divida que Ramiro havia deixado, assim, com a ajuda de pessoas de reputação suspeita, ela abre seu ateliê, atendendo a alta sociedade da cidade, e entra em contato com pessoas do alto escalão. Então, ela é contatada para ser uma “espiã”, e sua vida muda radicalmente de novo.
               
Esse foi um livro que demorei muito pra ler, por mais que não tenha tantas páginas, é um enredo que não se pode perder uma palavra. É cativante, pois não é só romance, paixão e amor, não é de todo “açucarado” como aparenta ser, mas reúne um contexto histórico, mistério e aventura, uma montanha russa de acontecimentos, ás vezes chegando a ser um pouco confuso também. Apesar disso não é uma leitura maçante, mas simples e rico em detalhes, você é transportado de cidade em cidade, com toda a diversidade de Tetuán e a beleza de Madrid até o glamour dos ateliês de alta costura.
Talvez não seja um livro tão acolhedor quanto Memórias de uma Gueixa ou O caçador de pipas, e nem tão vendido quanto estes, porém é no mesmo sentido, e ao meu ver, tão bom quanto, não só pela história, mas pelo próprio estilo da escritora que é tão boa quanto Arthur Golden e Khaled Hosseini, talvez até melhor, pelo fato da riqueza da escrita que ela nos traz. 

3 comentários:

  1. Mais uma vez, ótima resenha. Adicionarei na minha lista de leitura, tenho tido sorte com escritores espanhóis, foi assim com o Carlos Ruiz Zafon, gostei do enredo da María Dueñas.

    Um abraço!
    Rodolfo Soares
    Um Guarda-Livros

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada! Infelizmente, acho que María Dueñas foi a única escritora espanhola que já li, só acho. Mas tenho certeza que gostarás muito desse livro! Abraços!

      Excluir
  2. :O Parece ótimo, no fim termina como uma espiã :3 amei amei, está na listinha!
    A Lu indica e eu vou procurando pra comprar! ótimas resenhas!
    Beijo <3

    ResponderExcluir

Oi! Gostou do post? Não gostou? Deixe seu comentário aqui! :D